(31) 9 8933-2498

Estrada pavimentada com rejeitos de minério completa 10 meses de conclusão


Visita técnica de representantes da Samarco, das prefeituras de Mariana e Ouro Preto e de instituições, foi realizada no local

09/06/2022 às 20h13

Após 10 meses da conclusão das obras de pavimentação e drenagem realizadas na estrada que liga os distritos de Constantino, Goiabeiras e Cuiabá, representantes da Samarco, de instituições e das prefeituras de Mariana e Ouro Preto realizaram uma visita técnica ao local, na última terça-feira (07/06). As intervenções alcançaram 11 quilômetros da área, mantendo o traçado original e as características do entorno. Além das mais de 500 famílias que residem nos distritos, as intervenções trouxeram melhorias, como a redução do tempo de viagem e mais segurança para a população que transita pelo local.       

 

 A pavimentação foi executada a partir do reaproveitamento de rejeitos de minério. “A iniciativa proporciona o reaproveitamento do rejeito em grande quantidade, aumento de resistência, redução de poeira, elimina a geração de lamaçais e atoleiros nas estradas em período de chuva”, destacou o diretor- executivo da Ecomud, Vitor Hugo Ferreira dos Santos, ressaltando o diferencial do material utilizado nas obras, de baixo custo e capaz de preservar o aspecto natural do solo.     

 

 A startup Ecomud, apadrinhada pela Samarco no Desafio MinerALL, desenvolveu o projeto e foi a responsável pela execução dos trabalhos. A empresa utiliza rejeitos da Samarco como matéria-prima para a pavimentação.    

 

“Antes não tinha como vir trabalhar. Tinha muito buraco, pedra e terra. Agora que vocês arrumaram não tem coisa melhor, por causa do minério que foi colocado. O movimento da estrada está uma beleza. Melhorou demais”, comemorou o senhor Juquinha, morador de Constantino.    

 

 A iniciativa da Samarco é resultado de uma parceria entre o Consórcio Intermunicipal Multissetorial do Vale do Piranga (Cimvalpi) e a Prefeitura de Mariana.  Além do grupo de trabalho “Aproveitamento de Rejeito” do Plano de Apoio à Diversidade Econômica (PADE), da Samarco, participaram da visita os representantes das secretarias de Desenvolvimento Econômico de Ouro Preto, de Agropecuária e de Obras de Mariana, do Instituto Federal de Minas Gerais, da Plan Soluções, da Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Ouro Preto, e da Agência de​ Desenvolvimento Econômico e Social dos Inconfidentes e Alto Paraopeba (Adesiap).     

 

  O secretário de Desenvolvimento Econômico de Mariana, Pedro Nunes, lembrou que a previsão para utilização do material é uma das propostas do plano.    “O rejeito de minério vem superando as nossas expectativas de qualidade e conservação das nossas estradas vicinais. Iniciaremos mais uma base no distrito que interliga os subdistritos de Mainart  e Vargem, ”, disse Pedro Nunes.      

  

PADE      

O Plano de Apoio à Diversificação Econômica (PADE) é uma condicionante da Licença de Operação Corretiva (LOC), obtida pela Samarco em 2019. O PADE teve início em setembro de 2020, sendo executado nos municípios de Mariana e Ouro Preto. Os resultados dos trabalhos desenvolvidos durante 15 meses em parceria entre poder público, setor produtivo e sociedade civil, foram entregues neste ano para as prefeituras. O principal objetivo é criar um sistema de Governança entre as instituições locais a partir de oportunidades da identificação e mapeamento de potencialidades, por meio da interação com as principais instituições de cada município.   


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2022 | Desenvolvido por Masterix Sistemas