(31) 9 8933-2498

EM DISCUSSÃO: O PAPEL DA MEDICAÇÃO NA CONSTRUÇÃO DO EQUILÍBRIO MENTAL


04/10/2021 às 20h28

Os medicamentos de forma geral têm como função diagnosticar, prevenir e curar doenças, além de aliviar sintomas. Quando se trata de doenças psiquiátricas, no entanto, o uso de medicamentos ainda é estigmatizado, uma vez que muitas pessoas têm visões equivocadas sobre os transtornos mentais e seus tratamentos. Há discussões sobre a adequação dos psicofármacos, descrença quanto a sua eficácia e resistência na sua utilização.  

De acordo com a professora da Escola de Farmácia da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Renata Macedo do Nascimento, depois de realizado um plano de tratamento com medicação psiquiátrica, é necessário dedicar certo tempo para informar sobre a natureza do transtorno psicológico e sobre evidências de eficácia e possíveis efeitos dos medicamentos. "Esclarecer quaisquer dúvidas, além de fortalecer a relação com o paciente, é indispensável para a adesão ao tratamento, evitando interrupções precoces", destaca. 

A professora, que é integrante da Pesquisa Nacional sobre Acesso, Utilização e Promoção do Uso Racional de Medicamentos (PNAUM) e também do Projeto sobre Ansiedade e Depressão em Universitários (PADu), esclarece na edição do "Em Discussão" desta semana a atuação, os riscos e o uso racional dos medicamentos para tratamento de transtornos psiquiátricos. O "Em Discussão" é uma seção ocupada por uma entrevista, no formato pingue-pongue, realizada com um integrante da comunidade ufopiana. 

Confira a entrevista completa no link: https://bit.ly/3ioSAW6

Fonte :O LIberal . 


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2021 | Desenvolvido por Masterix Sistemas