(31) 9 8933-2498

ENGIE apresenta futuro baseado em energia renovável


Empresa segue investindo e se compromete a reduzir as emissões de CO₂

23/06/2021 às 09h59

São 72 usinas, 10.791 MW de capacidade instalada própria, 4.500 quilômetros de gasodutos, presença em 22 estados e 25 anos de atuação no Brasil.

No Dia Mundial da Energia (29 de maio), a ENGIE, maior empresa privada de energia do país, celebra sua história e projeta o futuro, baseado em energia renovável e cuidado com o ambiente e as comunidades das regiões onde atua.

Responsável por cerca de 7% da capacidade instalada na geração no país, a empresa prossegue ainda com a implantação de três grandes projetos: o Conjunto Eólico Campo Largo II, no Nordeste, e os Sistemas de Transmissão Novo Estado, no Norte, e Gralha Azul, no Sul. Em breve, inicia também as obras de implantação do Conjunto Eólico Santo Agostinho, no Rio Grande do Norte.

As soluções desenvolvidas pela ENGIE vêm contribuindo para uma redução de consumo de energia de seus clientes de cerca de 1.000.000 de MWh anuais. Na mesma medida, a empresa vem atuando na direção de reduzir o próprio consumo.

Futuro sustentável

Ao mesmo passo, a ENGIE possui metas ambiciosas que contribuem com a descarbonização e promoção de um futuro sustentável. Diversificar suas fontes de energia e reduzir as emissões de CO₂ estão entre elas.

A empresa investe em energias renováveis, como eólica, biomassa, solar e hidrelétrica.

O cenário atual traçado pela ENGIE considera que a busca pelo desenvolvimento sustentável exige que a sociedade oriente suas atividades para uma economia de baixo carbono, baseada na substituição de combustíveis fósseis e na mudança de modelos de negócios e de hábitos dos consumidores.

Para o futuro, a empresa projeta que o gás natural terá um papel fundamental para a transição energética. Com o aumento da participação de fontes intermitentes no sistema, o gás natural surge como combustível firme para os momentos em que a geração a partir do vento e do sol for insuficiente. Além disso, a ENGIE trabalha no desenvolvimento de tecnologias para produção de Hidrogênio Verde, aquele que é fabricado a partir de energia renovável. O Hidrogênio tem grande potencial de ser o principal combustível nas próximas décadas.

Além da energia

Em cada um dos locais onde atua, a ENGIE desenvolve ações de cuidado junto às comunidades. Em 2020, a empresa destinou mais de R$ 65 milhões direcionados à gestão socioambiental no país, sem considerar recursos incentivados. Esses valores foram aplicados em planos de ação associados às licenças ambientais de suas usinas em operação e implantação, aporte que traz reflexos diretos na garantia da proteção e conservação dos recursos naturais nas regiões onde a ENGIE está inserida, além de contribuir para o atendimento aos ODS-Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

A empresa realiza também, desde 2018, a campanha Energia Voluntária, que incentiva a doação de Imposto de Renda devido dos colaboradores a projetos sociais como centros culturais, creches, orfanatos, hospitais ou lares de idosos.

O cuidado também se aplica às ações da Transportadora Associada de Gás S.A. (TAG). A empresa, da qual a ENGIE detém 65% de participação acionária, mantém uma rede de 4.500 km de gasodutos, transportando o gás natural que abastece indústrias e cidades de todo o país. A cada novo empreendimento ou intervenção em ativos operacionais da TAG, estudos e programas são desenvolvidos nas regiões de influência, de acordo com a legislação vigente, visando identificar e avaliar os impactos, além de propor medidas para eliminar, minimizar ou compensar tais impactos.

Fonte:O Globo


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2021 | Desenvolvido por Masterix Sistemas