(31) 9 8933-2498

Informe TJMG: Programação especial comemora 300 anos de Minas Gerais

O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, destacou o espírito conciliador de Minas durante solenidade

Tricentenário da criação da Comarca do Serro integra iniciativa

12/03/2020 às 08h22

Uma série de eventos irá marcar a celebração dos 300 anos de Minas Gerais. A programação, que traz palestras, publicações, ações itinerantes, exposições e outras atividades culturais, foi anunciada na noite de terça-feira,10/3, no Salão Nobre da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A solenidade contou com a presença de dirigentes de entidades parceiras da iniciativa.

 

Na oportunidade, o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, destacou que a celebração vem em boa hora porque há uma carência, no País, do espírito conciliador que transformou Minas em um estado capaz de unificar e liderar.

 

O magistrado lembrou que Minas sempre deu lições de resistência e liberdade e sempre foi, na vida republicana, exemplo de respeito à autonomia e independência dos Poderes, com a sabedoria de que a interdependência respeitosa entre eles é indispensável ao encontro de soluções que contemplem o bem-estar da população.

 

“Infelizmente, parece que estamos vivendo tempos em que essas lições de cidadania e boa política estão esquecidas, substituídas por tentativas subliminares de subjugar o outro, de ignorar a autonomia de que cada Poder é constitucionalmente dotado”, reforçou.

 

O presidente da Assembleia, deputado Agostinho Patrus, destacou a importância do trabalho conjunto com o TJMG, o Ministério Público Estadual (MP), a Defensoria Pública do Estado (DP), o Tribunal de Contas do Estado (TCE) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), responsável pela curadoria das atividades.

 

O deputado afirmou que é tempo de “transformar desafios em oportunidades”, com vistas à diversificação da matriz econômica de Minas e a redução das desigualdades sociais.

 

Serro

 

O TJMG celebra também os 300 anos da criação da Comarca de Serro, umas das primeiras do estado.

 

Quando a Comarca do Serro Frio foi criada, em 1720, outras três já estavam instaladas — as de Vila Rica, Sabará e São João del-Rei, todas de 1714. Mas sua instalação, ao coincidir com a definição do novo espaço territorial da Capitania de Minas Gerais, criada meses depois, veio responder às novas exigências sociais e econômicas da capitania, explicou o presidente Nelson Missias de Morais.

 

Naquele momento, “deslocou-se o núcleo povoador inicial para estender-se rumo aos dilatados espaços do centro e norte-nordeste do estado”, de acordo com a professora Maria Coeli Simões Pires.

 

A programação na cidade do Serro terá várias atividades de 31 de março a 3 de abril. Mais informações no telefone (38) 3541-1368.

 

No dia 3, haverá uma sessão solene para a transferência simbólica do Poder Judiciário para a Comarca do Serro. O presidente Nelson Missias de Morais recebe o título de cidadania honorária, às 17h, no fórum Ministro Edmundo Lins.

 

Assessoria de Comunicação Institucional -- Ascom

Tribunal de Justiça de Minas Gerais -- TJMG


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.