(31) 9 8933-2498

Operação investiga exploração sexual infantil em oito cidades de MG

Venda e compartilhamento de vídeos e imagens de abuso infantil configuram crimes descritos em artigos do Estatuto da Criança e do Adolescente — Foto: Divulgação / PF

31/05/2022 às 14h04

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (31), uma operação de combate à exploração sexual infantil na internet em diversos municípios de Minas Gerais. Foram alvo de mandados de prisão temporária e busca e apreensão as cidades de Belo Horizonte, Sabará, Uberlândia, Uberaba, Juiz de Fora, Montes Claros, Divinópolis e Ipatinga. 

A ação integrada busca reprimir o consumo e a disseminação de arquivos de imagem e vídeo que mostrem abusos sexuais infantis em todo o Estado. Ao todo, foram cumpridos um mandado de prisão e outros 14 de busca e apreensão, expedidos pela 35ª Vara Federal de Belo Horizonte. 

Por meio de investigações foi possível identificar usuários que compartilham ou vendem esse tipo de arquivo de imagem na internet. 

A pessoa presa será encaminhada à penitenciária Inspetor Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana. Caso haja prisão em flagrante, os demais investigados também serão levados ao presídio. 

Os crimes cometidos estão descritos nos seguintes artigos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): 

  • 241-A - “vender ou expor à venda fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”
  • 241-B - “Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”

Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2022 | Desenvolvido por Masterix Sistemas