(31) 9 8933-2498

Blackface: repúblicas de Ouro Preto são acusadas de prática racista


03/05/2022 às 20h36

Moradores de repúblicas de Ouro Preto (MG) foram acusados de fazer blackface, uma prática racista há pelo menos 200 anos, na qual pessoas brancas pintam seus rostos com cores escuras com o intuito de ridicularizar os negros com fins de entretenimento. Segundo o perfil de uma das repúblicas, o evento em que isso ocorreu, chamado de Miss Bixo, faz parte de um costume da cidade. “Os estudantes têm a tradição de se fantasiar e se pintar para a apresentação da equipe”, diz nota de retratação.

De acordo com estudantes da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), cada república é responsável por escolher um tema e, assim, pensar nas fantasias. Os casos que mais geraram repercussão procuravam representar o cachorro Muttley e os Irmãos Rocha do desenho animado Corrida Maluca, além de pombos, pensando na música “Mundo Animal”, do grupo Mamonas Assassinas.
 

Nas redes sociais, as críticas envolvem a má execução das fantasias, além de um histórico problemático que nunca foi revisto pelas repúblicas.

Nota de um abaixo-assinado contra o racismo na Ufop afirma que “as pinturas foram associadas a blackface, despertando gatilhos em pessoas negras e pardas, caracterizando racismo”. O abaixo-assinado foi criado com o intuito de iniciar um processo dentro da universidade contra a ação dos envolvidos.

No Instagram, o perfil do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Ufop se pronunciou dizendo que a prática de pintar o rosto de preto ou marrom para representar pessoas negras é um ato racista, doloroso e ofensivo, além de reforçar estereótipos. Também foram repostados stories de usuários que marcaram o DCE, mostrando o nome de algumas das repúblicas responsáveis pelo ato.

 

Uma das repúblicas diz, em nota, que entrará em contato com o DCE pessoalmente para conversar sobre a situação. “Pedimos desculpas aos que se sentiram ofendidos pela forma como representamos esses personagens. Em nossa república, repudiamos qualquer ato de racismo e estamos abertos para esclarecer e debater sobre essa questão, mas esclarecemos que não fizemos blackface para representar pessoas pretas. As fantasias pretendiam representar os personagens fictícios”, explica a nota.

 

A reportagem do EM entrou em contato com a assessoria da Ufop e ainda não obteve.

 

O que é Blackface?

O blackface é uma prática que remete aos anos de 1830, cuja origem, acredita-se, tenha se dado em Nova York, nos Estados Unidos. Trata-se de pintar a pele de pessoas brancas em cores escuras a fim de ridicularizar pessoas negras associando-as a piadas e a estereótipos negativos, principalmente no cinema e no teatro - numa época em que pessoas negras não eram autorizadas a atuar por conta da cor da pele.

Com informações do Portal Uai


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2022 | Desenvolvido por Masterix Sistemas