(31) 9 8933-2498

Orquestra Ouro Preto e ex-Uakti juntos pela primeira vez


06/12/2021 às 14h11

A Orquestra Ouro Preto e o flautista e compositor Artur Andrés tocam juntos pela primeira vez em apresentação inédita na capital mineira. Eles sobem ao palco do Sesc Palladium, dia 12 de dezembro, domingo, às 11h, na Série Domingos Clássicos com o concerto “Orquestra Ouro Preto e Artur Andrés Ensemble”. O Grande Teatro do Sesc Palladium recebe o público presencial, seguindo todos cuidados e protocolos sanitários de saúde e segurança dos músicos, da equipe e do público. Os ingressos estão à venda a preços populares no site/aplicativo do Sympla.

 

Sob a regência do Maestro Rodrigo Toffolo, a apresentação traz no repertório composições de autoria de Andrés registradas anteriormente na vasta discografia do Uakti, que se mesclam com músicas inéditas, incluídas em seu recém lançado CD autoral “Aldebaran”. O concerto conta também com arranjos especiais de Philip Glass (Amazon River) e Elomar Figueiras (Arrumação).

 

“A Orquestra Ouro Preto tem um extraordinário trabalho orquestral, que une o alto nível de suas interpretações do repertório erudito, desde o clássico ao contemporâneo. Vamos levar para este concerto todo legado de quase quatro décadas de trabalho com o grupo Uakti somado a novas experiências musicais com músicos da nova geração. Estamos muito felizes com o resultado”, destaca o flautista e compositor Artur Andrés.

 

Para o Maestro Rodrigo Toffolo, é uma honra tocar na companhia de Artur Andrés. “É um fato inegável que a música instrumental brasileira foi grandemente enriquecida pelo experimentalismo e inovação do Uakti, uma banda magistral, que durante décadas de trabalho ininterrupto ganhou amplo reconhecimento, tanto nacional como internacional, por utilizar instrumentos musicais não convencionais para chegar a uma sonoridade inconfundível. Será um concerto com muita excelência e versatilidade”, completa.

 

Desde 2015, a parceria entre Orquestra Ouro Preto e o Sesc-MG para formação de novos públicos e democratização da música de concerto propõe invadir as manhãs de domingo com concertos especiais, a preços populares.

 

NOVOS RITMOS DE ARTUR ANDRÉS

 

Criado em 1978, o Uakti escreveu sua história no cenário da música instrumental brasileira e internacional. Conhecido por utilizar instrumentos musicais não-convencionais, produzidos por eles, o grupo teve 13 trabalhos registrados em CD e 1 DVD. No final de 2015, tendo completado um intenso ciclo de trabalho musical, surgiram outras ramificações musicais. O compositor e flautista Artur Andrés, depois de dedicar 37 anos ao grupo, sentiu a necessidade de registrar e difundir suas próprias obras musicais. O CD “Aldebaran”, a ser lançado pelo selo Grão Discos em dezembro de 2021, registra em áudio parte desse repertorio composto por Andrés acompanhado por um grupo de excelentes músicos de Belo Horizonte da nova geração, entre eles Alexandre Andrés, José Henrique Soares, Natália Mitre, Bruno Vellozo, além da pianista Regina Amaral que, juntos, formam o “Artur Andrés Ensemble”.

 

SOBRE A ORQUESTRA OURO PRETO

 

Uma das mais prestigiadas formações orquestrais do país, a Orquestra Ouro Preto completa 21 anos de atividades e se reafirma como uma orquestra de vanguarda. Sob a regência e direção artística do Maestro Rodrigo Toffolo, o grupo se dedica à formação de diferentes públicos, com extensa programação nas principais salas de concerto no Brasil e no mundo, além de se destacar no número de visualizações e ouvintes das plataformas de streaming e redes sociais. Sob os signos da excelência e versatilidade atua também em projetos sociais e educacionais que vão muito além da música, como o Núcleo de Apoio a Bandas e a Academia Orquestra Ouro Preto. Premiado nacionalmente, o grupo tem 12 trabalhos registrados em CD, 7 DVDs. Foi vencedora do Prêmio da Música Brasileira em 2015, na categoria “Melhor Álbum de MPB”, e indicada ao Grammy Latino 2007, como “Melhor Disco Instrumental”, por Latinidade. Os discos “Latinidade - Música para as Américas”, “Antônio Vivaldi – Concerto para Cordas”, “The Little Prince” e “Orquestra Ouro Preto e Desvio - Ritmos Brasileiros” têm distribuição mundial pela gravadora Naxos, a mais importante do mundo dedicada à música de concerto.

 

SERVIÇO

Domingos Clássicos - Orquestra Ouro Preto e Artur Andrés Ensemble

Dia: 12 de dezembro de 2021, domingo, às 11h.

Ingressos: Site e aplicativo Sympla

Classificação: Livre para todas as idades.

Informaçõeswww.orquestraouropreto.com.br


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.
© 2017 - 2022 | Desenvolvido por Masterix Sistemas