(31) 9 8933-2498

Revitalização do Jardim já começou


09/01/2020 às 11h31

Uma audiência pública, realizada no dia 11 de novembro de 2019, aprovou a proposta de revitalização da Praça Gomes Freire, conhecida como praça do Jardim. O projeto, que teve adesão da maioria dos marianenses presentes, respeita a essência histórica do bem público e se adapta às novas realidades.

A ação faz parte dos compromissos firmados entre a Fundação Renova e Prefeitura de Mariana e está dentro do plano de investimento de R$ 100 milhões anunciados pela instituição ações de compensação no município. A previsão do término da obra é em sete meses.

Com participação popular e uma consulta prévia ao Iphan, a proposta considerou os aspectos históricos da praça, desde a sua construção, no final do século 19, como também a inclusão, a acessibilidade, melhoria na iluminação, paisagismo, mobiliário, preservação dos lagos e ponte, além da restauração do bebedouro, coreto e busto de Gomes Freire.

O envolvimento dos marianenses aconteceu nas três etapas do processo de aprovação do projeto: audiência pública de apresentação do pré-projeto aconteceu no ano passado (1 de outubro), na visita guiada (3 de novembro) e na audiência de aprovação (11 de novembro). A ideia é que a participação popular se estenda para o acompanhamento da obra.

Hebe Rôla, professora emérita da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) e presidente da Casa de Cultura – Academia Marianense de Letras, durante a visita guiada, contribuiu com sua rica história de relação com Mariana. Ela enfatizou a importância da permanência da Ponte dos Suspiros no projeto: “Ali, quando os namorados se desentendiam, iam para lá suspirar e lavar as mágoas. Então, conversei com o paisagista e expliquei para ele o significado do monumento. A permanência da Ponte dos Suspiros nos agradou muito’’, diz a moradora de Mariana.

A partir da discussão dos moradores do entorno da praça e de outros bairros de Mariana, representantes da Prefeitura, do Conselho Municipal de Patrimônio Cultural (Compat) e da Fundação Renova, os técnicos responsáveis pelo projeto acolherem a vivência e opinião da população. Algumas propostas não foram aceitas pela população e não serão incorporadas ao projeto, como a construção de bancos contínuos em volta dos lagos e a implantação de um palco em frente a um restaurante.

Lígia Pereira, de Relações Institucionais da Fundação Renova, destaca a importância da obra. "Parte do investimento mais amplo da Fundação Renova em Mariana, a revitalização da Praça do Jardim, que tem um significado muito especial para os marianenses, vai deixar esse bem público e cultural com condições de representar a história da cidade”, diz.

“Agora, é esperar que tudo dê certo, de acordo com os nossos entendimentos respeitados pela Renova. Nós ficaremos eternamente gratos porque é importante para nós preservar esse pedacinho da nossa história”, afirma Hebe Rôla. 

Nota da Renova sobre o licenciamento :

A Fundação Renova esclarece que a revitalização da Praça Gomes Freire está em fase de mobilização para as obras. Para isso, o fechamento do local foi comunicado e registrado em ata, durante as tratativas que estão em andamento com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e com a Prefeitura de Mariana que, por meio da Secretaria de Obras e Planejamento, emitiu a licença simplificada para a execução das obras e licença para a colocação dos tapumes no local. A Fundação aguarda o parecer do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural (Compat). Esses órgãos, além dos moradores locais, participaram ativamente das duas audiências e da visita guiada para detalhamento e elaboração do projeto.

A Fundação reitera que trabalha em conjunto com os órgãos competentes no projeto de revitalização do Jardim, centralizando todas informações e análises na Comissão Municipal para Assuntos Ligados à Fundação Renova (Comar), composta por membros das secretarias do poder público, que visa discutir, articular e tratar as ações de reparação, compensação e indenização dos danos socioambientais e socioeconômicos oriundos do rompimento da Barragem de Fundão.

 

Compensação

O investimento é uma medida compensatória prevista no Termo de Transação e Ajustamento de Conduta TTAC, documento que estabelece as medidas de reparação e compensação em função dos impactos do rompimento da barragem de Fundão.

Outros investimentos foram anunciados em julho de 2019, durante a cerimônia Dia de Minas, na carta Hora de Avançar, dirigida aos marianenses. Acesse o site da Renova e conheça todas as próximas ações (https://www.fundacaorenova.org/noticia/hora-de-avancar-carta-aberta-a-populacao-de-mariana/). 

 

Veja detalhes do projeto clicando aqui

Outras intervenções na praça Gomes Freire: 

·Ativação e realocação do bebedouro e do busto de Gomes Freire para o canteiro de flores em frente à Casa do Bispo

·Construção de rampas de acesso à praça

· Construção de bancos tipo arquibancada, de frente para os comércios e bares

·Construção de um piso ao redor do lago inferior e reforma da ponte dos suspiros

· Plantio de hortênsias e rosas de Santa Terezinha nos canteiros

·Aumento do número de bancos de madeira


Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.