(31) 9 8933-2498

Não passa de boato que pedir nota fiscal em posto ajuda a baixar o preço da gasolina

Não passa de boato que pedir nota fiscal em posto ajuda a baixar o preço da gasolina

Não passa de boato que pedir nota fiscal em posto ajuda a baixar o preço da gasolina

24/08/2017 às 09h35

Circulam nas redes sociais um áudio e vários textos que dizem que exigir nota fiscal pode fazer com que os postos de combustíveis baixem o preço da gasolina. Não é verdade.

"Oi, galera, tudo bem? Deixa eu falar uma coisa. Um negócio super interessante que eu acabei descobrindo”.....blá blá blá....

O autor do áudio parte da premissa de que há sonegação em massa e argumenta que se todos os consumidores pedirem nota fiscal, os postos terão de pagar todos os impostos devidos e acabarão ficando com um lucro menor. E que, assim, os donos dos postos irão cobrar do governo que o preço do combustível baixe, para que mantenham a margem de lucro.

O que define o preço da gasolina?

O preço da gasolina comum para os consumidores, segundo a Petrobras, é formado pela seguinte proporção: 31% são os custos de operação da empresa para produzir o combustível, 10% são impostos da União (Cide, PIS/Cofins), 28% são impostos estaduais (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS), 15% é o custo do etanol adicionado à gasolina e 16% se refere à distribuição e revenda.

Nossa reportagem entrou em contato com um empresário da Rede Shell em Mariana e obtivemos uma excelente explicação.

Para quem tem desconhecimento de causa, e nunca viu como funciona um posto de combustível.

Todos os impostos são recolhidos antecipadamente pela Petrobrás. Nenhum caminhão sai da base sem ter recolhido todos os impostos, para evitar a sonegação. Cada litro que é vendido, em qualquer posto do Brasil, tem um dispositivo na bomba que é ligado ao computador central, e obriga o dono do posto emitir todos os cupons fiscais, em qualquer quantidade de litros. Então, se alguém quiser algum cupom fiscal, é só passar em qualquer posto e pegar o quanto quiserem.

Vejam na foto os cupons que são tirados automaticamente, no dia 18/08, e se forem hoje procurem a lata de lixo do posto, e verão ela cheia novamente.

O empresário ainda acrescenta que por fim, que, como em qualquer estabelecimento comercial, a emissão da nota fiscal nos postos é um direito do consumidor e beneficia todos os agentes idôneos do mercado.

Álbum de Fotos


Voltar

Confira também: