(31) 9 8933-2498

Acusado de matar Guilherme Elias Veisac foi preso na capital

Apontado como autor do crime, Antônio Azevedo foi preso em Belo Horizonte (foto: Polícia Civil/Divulgação)

Acusado de matar Guilherme Elias Veisac foi preso na capital

17/08/2017 às 10h20

Acusado de matar o marianense Guilherme Elias Veisac em setembro do ano passado, foi preso dentro de uma agência bancária em Belo Horizonte, ontem (16)  na Avenida Francisco Sá, no bairro Gutierrez, capital.
 
No momento da abordagem, Antônio se identificou, verbalmente, com outro nome. No entanto, por meio de documentos que o suspeito trazia em mãos, foi possível constatar sua real identidade. Antônio foi encaminhado para a delegacia, onde foi cumprido mandado de prisão preventiva.

O empresário Antônio Azevedo dos Santos, de 47 anos, foi reconhecido por um cliente amigo da vítima que acionou a polícia militar. O acusado foi levado para a central de flagrante e transferido para uma penitenciária. Ainda em outubro do ano passado, Antônio se apresentou a polícia, confessou o crime e foi logo liberado. O motivo é a lei eleitoral, que determina que nenhum eleitor pode ser preso ou detido a partir de cinco dias antes da eleição, a não ser em flagrante ou para cumprimento de sentença criminal. Desde então ele era considerado fugitivo da justiça com dois mandado de prisão em aberto.  

Em relato nas redes sociais, a mãe da vítima fez um agradecimento as pessoas que durante quase um ano compartilharam a foto do acusado para que fosse reconhecido.

“Queremos agradecer a todos os amigos que se solidarizaram com a perda de nosso filho Guilherme Elias Veisac e compartilharam a foto de Antônio Azevedo dos Santos. Hoje à tarde ele foi reconhecido e encontra-se preso. Obrigada”!!

Álbum de Fotos

Ver todas as fotos

Voltar

Confira também:





CNPJ: 09.621.428/0001-26
Agência Minas de Radiojornalismo
Rua Dom Viçoso, 217. Mariana - MG.