(31) 9 8933-2498

CAMAR projeta melhorias e planeja mais ações em 2018


27/02/2018 às 11h28

Com mais de 1110 toneladas de materiais recicláveis coletados somente ano DE 2017, a Associação de Catadores de Material Reciclável de Mariana (CAMAR) vem, ano após ano, demonstrando a importância do trabalho, tanto para o município quanto para os seus associados.  Para que o projeto continue a render bons frutos e se expanda, foi realizada na quinta-feira, (22), uma reunião para mobilização pela CAMAR, visando novas parcerias e formas de desenvolvimento da associação. A mobilização contou com a presença de diversos parceiros, dentre eles a Prefeitura de Mariana, principal parceiro da associação.

Várias ideias para melhorias surgiram durante a reunião, dentre elas: maior mobilização junto às escolas, aumentar a arrecadação de garrafas pets para a produção de vassouras e a melhoria do material recebido. “O material que chega aqui precisa ser melhorado na qualidade e na quantidade. São 28 pessoas que sustentam suas famílias a partir desta renda. Então, quanto mais limpo estiver, melhor vai ser a renda, além de diminuir gastos. Precisamos nos conscientizar e separar os materiais”, afirmou a representante da ANCAT - Associação Nacional dos Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis.

A presidente e idealizadora da CAMAR, Maria da Conceição Aparecida, ficou muito contente com a reunião dos vários parceiros para a mobilização. “Hoje foi um dia muito importante para nós, mostrou que a CAMAR veio pra ficar. O projeto foi criado com o intuito de ajudar o meio ambiente, ser fonte de renda para os catadores de materiais recicláveis e também resgatar a dignidade deles, mostrar que eles não são mendigos”. Ela também reconheceu o papel da Prefeitura de Mariana. “A Prefeitura está aqui desde a fundação abraçando a causa, sempre fazendo o máximo para nos ajudar a executar os nossos trabalhos”.

Para o Secretário de Meio Ambiente, Rodrigo Carneiro, a CAMAR faz a diferença em Mariana. “A coleta seletiva é muito importante, aumenta a vida útil do aterro sanitário, diminui as despesas com ele e é fonte de renda para os catadores. É um trabalho importantíssimo para a sociedade e ajuda na preservação e conservação do meio ambiente”. Para mais informações, a CAMAR é localizada na Rua Pollux, 30, no bairro Cruzeiro do Sul. O telefone é (31) 3558-2971.

Fotos: Lucas Mantovani | Prefeitura de Mariana

 


Voltar

Confira também: